Com recordes individuais, Storm abre 1 a 0 nas finais da WNBA

Sue Bird e Breanna Stewart, quebram recordes individuais em primeira partida válida pelas Finais da WNBA 2020

As duas melhores equipes da temporada regular da WNBA protagonizaram o primeiro jogo das finais da WNBA 2020 na noite desta sexta-feira (2). O favorito ao título, Seattle Storm, contou com as atuações de Breanna Stewart e Sue Bird para vencer o Las Vegas Aces por 93 a 80, na IMG Academy, em Bradenton, Flórida, abrindo 1 a 0 na série final.

Já conhece o canal do Área Restritiva no Youtube? Clique e se inscreva

A ala-pivô do Storm foi o grande nome da vitória com um duplo-duplo de 37 pontos, 15 rebotes e quatro tocos. Com esses números, Stewart tornou-se a primeira jogadora com pelo menos 35 pontos e 15 rebotes em um confronto das finais da WNBA desde Lisa Leslie em 2001, após terminar com 37 pontos e 15 rebotes. A jogadora também estava a dois pontos de quebrar o recorde de pontuação de todos os tempos nos playoffs.

Sua companheira de equipe, Sue Bird, estabeleceu um novo recorde geral do playoff com 16 assistências, sendo 10 assistências no primeiro tempo e 12 assistência no terceiro quarto. 

Bird passou para o terceiro lugar de todos os tempos em assistências de carreira nas finais, com 68 assistências. Ela está a apenas a uma assistência das 69 assistências de carreira de Maya Moore e 61 assistências a menos do recorde de Lindsay Whalen, 129.

Pelo Las Vegas, a MVP desta temporada, A’já Wilson marcou 19 pontos e ficou um atrás da ala Angel McCoughtry (20 pontos e nove rebotes). As equipes se enfrentam neste domingo (4), às 16h de Brasília), pelo jogo 2 da série final.

Las Vegas Aces x Seattle Storm – O Jogo

No primeiro quarto, Las Vegas começou melhor a partida abrindo o placar,  7 a 0. No entanto, Storm se superou no quesito ofensivo, graças às seis assistências de Sue Bird. A equipe arremessou 64,3% dos arremessos de quadra e manteve Las Vegas com menos de 30% dos arremessos. Seattle virou o jogo e fechou o primeiro quarto: 23 a 21.

No segundo quarto, Aces iniciou o tempo muito bem, lideradas por McCoughtry e suas bolas de três certeiras (4/4). Mas, Storm reagiu novamente, com uma sequência avassaladora de 15 a 0, restando dois minutos para o fim da parcial, abriu 15 pontos (49 a 3), encerrando o quadro em uma corrida de 26 a 6. 

As jogadoras do Storm seguiu para o intervalo liderando a partida por uma vantagem de: 57 a 40. No primeiro tempo, Bird contribuiu com 10 assistências, Jewell Loyd marcou 19 pontos e Stewart anotou  16 pontos. 

Após o intervalo, o Aces chegou a estar 17 pontos atrás no final do primeiro tempo. Porém, com uma grande reação no terceiro período, diminuiu a desvantagem para apenas dois pontos, 69 a 67, e deu impressão de que poderia chegar a virada.

Nos 10 minutos finais, o esforço dos Aces no terceiro quarto não continuou nos minutos iniciais do último quarto. A ala-pivô Stewart dominou a partida e liderou o Storm para a vitória, marcou os 11 pontos seguintes para coroar uma sequência de 13-0 e encerrar a primeira partida das finais da WNBA: 93 a 80.

Agenda WNBA Finais 2020 (séries em melhor de cinco)

02/10 – Sexta-feira 

Seattle Storm 93 x 80 Las Vegas Aces

04/10 – Domingo

Seattle Storm x Las Vegas Aces – 16h

06/10 – Terça-feira 

Las Vegas Aces x Seattle Storm – 20h 

08/10 – Quinta-feira 

Las Vegas Aces x Seattle Storm – 20h (Se necessário)

11/10 – Domingo 

Seattle Storm x Las Vegas Aces – 16h (Se necessário)

O Área Restritiva está no YouTube, conheça o nosso canae se inscreva.

Já imaginou um grupo para discutir Basquete como se estivesse em um bar? Conheça o Bar do Área!

Fique por dentro do que está acontecendo no Área em nossas redes sociais; marcamos presença no FacebookInstagram e no Twitter. Ah! Também estamos no Catarse, aqui você conhece todo o projeto do Área Restritiva.

Leia mais!

Deixe sua opinião

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Compartilhe!

Se inscreva!

últimas publicações