O Uninassau/América saiu em vantagem na série melhor-de-três do playoff – final da Liga de Basquete Feminino – 2014/15, derrotando a ADCF Unimed/Americana em seus domínios. Para chegar ao inédito título, o ‘Mequinha’ precisa repetir o resultado, superando novamente o representante paulista, desta vez em Americana (SP), no segundo confronto da disputa decisiva.

O técnico Roberto Dornelas, que detém um título e um vice-campeonato da LBF em seu currículo, sabe que não será uma tarefa fácil.

Fotos: Gaspar de Nobrega/inovafoto
Fotos: Gaspar de Nobrega/inovafoto

“Esperamos por um jogo muito difícil, como foi aqui, pois é uma decisão e acredito que as duas equipes irão fazer um jogo melhor, já que em Recife, ambos iniciaram a partida demonstrando bastante nervosismo. O time de Americana deve estar acertando alguns detalhes, assim como estamos fazendo nos nossos treinamentos, por isso, acredito que vai ser um confronto muito bonito para todo mundo assistir e bastante estudado, em que cada jogadora vai ter que se superar em quadra”, analisa.

O treinador pernambucano está preparando a sua equipe, não só nos aspectos tático/técnico, mas também no psicológico.

“Estamos muito focados, atentos a tudo que pode acontecer, para entrarmos em quadra preparados e cientes de toda pressão que iremos receber. Atuaremos, no entanto, com a tranquilidade que é inerente ao nosso time”, relata Dornelas.

Para chegar ao título, o Uninassau/América terá que quebrar uma escrita, visto que a ADCF Unimed/Americana está invicta em casa neste campeonato.

“No jogo que perdemos em Americana na primeira fase, a decisão aconteceu nos últimos 30 segundos e naquela época não éramos o time que somos atualmente, já que não tínhamos a Tati em quadra e jogamos desfalcado da norte-americana Tiffany Hayes, que teve problemas de perda do avião no retorno de um feriado. Hoje, a equipe está inteira e focada, por isso, acredito que temos condições de fazer um jogo melhor para tirar a invencibilidade do nosso adversário em seus domínios e garantir o título”, opina Roberto.

No jogo inicial da série melhor-de-três, jogando em seus domínios, o Uninassau/América venceu, por 74 a 67. O segundo, que pode ser o decisivo, ocorre no sábado, dia 25 de Abril, às 10h00, no ginásio Municipal Centro Cívico, em Americana – SP, com transmissão ao vivo pelos canais SporTV. Uma vitória garante o título ao representante de Pernambuco.

O terceiro confronto, se necessário, será disputado na segunda-feira, dia 27 de Abril, às 19h00, também em Americana – SP, com transmissão ao vivo pelos canais SporTV.

É isso!

Comentem e Compartilhem!
Até+

Diego Silver

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.