De dentro para fora do Jogo, uma visão diferente de quem de alguma forma viveu O Basquete.
VOCÊ ESTÁ EM:
  O maior na história do Basquete Brasileiro, essa é a final do NBB
O maior na história do Basquete Brasileiro, essa é a final do NBB
Foto: Newton Nogueira

A maior final da história do Basquetebol Brasileiro começou e ela se encerra hoje, o NBB CAIXA 2018/19 chega ao seu final e eu peço licença para vocês, vou tomar a liberdade de escrever esse texto em diversos tempos, porque estou escrevendo antes, durante e continuarei depois do final da partida, quero expor para vocês o que realmente aconteceu na partida e trazer nessas linhas as sensações dos jogadores e da torcida presente do Pedrocão nesse sábado.

Em quadra SESI Franca e Flamengo, duas das maiores equipes do Basquetebol Brasileiro. De um lado Franca Basquete, que é o maior campeão do Basquetebol Brasileiro, com 11 títulos nacionais, enfrentando o Flamengo, maior campeão do NBB, com cinco títulos nacionais, vale a menção aqui também de duas das maiores torcidas do Basquetebol atual, o Flamengo com seus torcedores do clube, muito de uma herança do Futebol, mas é um clube que tem os esportes olímpicos em seu cerne e a torcida francana, a capital nacional do Basquetebol.

O maior na história do Basquete Brasileiro, essa é a final do NBB
Foto: Newton Nogueira

O jogo começa e ninguém entende o que aconteceu, o Franca parecia não se encontrar na partida, arremessava para três pontos quando era para infiltrar, não aproveitava as bolas de segunda chance e de forma geral a bola não caia, para se ter uma idéia o Didi, um dos principais jogadores do SESI Franca, saiu no primeiro quarto com somente 4 pontos, sendo os quatro convertidos em Lances Livres, nenhuma bola de três pontos convertida pelo elenco francano, o Flamengo dominava o primeiro quarto, a parcial 10 à 24, para os visitantes.

O segundo período começa e o Franca tem uma missão simples, tirar 14 pontos de frente do Flamengo, o que para muitos seria impossível, mesmo sendo dois dos melhores elencos brasileiros em quadra, o ritmo da partida não agradava em nada os torcedores francanos que estavam calados, encolhidos dentro do ginásio, não parecia ser a mesma torcida, algo estranho, estamos falando da equipe da capital brasileira do Basquetebol, melhor campanha da temporada regular do NBB CAIXA.

O Franca seguia melhor, agora realmente parecia termos um jogo de Basquetebol, o SESI Franca seguia muito bem, apesar de ter Hettsheimeir abaixo, não produzindo no período, Lucas Dias seguia muito bem marcado e o David Jackson brigando por tudo, mas a chance estava nas mãos do Didi, que fez 8 pontos no período, do lado de lá, Marquinhos continua sendo o nome do Flamengo, Varejão não entrou em quadra no período, Olivinha jogou 01:37, então Marquinhos assume a responsabilidade de jogar dos dois lados da quadra e vai muito bem, a parcial mostrava outro jogo, 19 à 21.

O maior na história do Basquete Brasileiro, essa é a final do NBB
Foto: Newton Nogueira

No retorno para o segundo tempo um Franca diferente, vencer o Franca não parecia impossível, realmente não parecia, um inicio avassalador do SESI Franca 7 à 0 para os donos da casa, o jogo era outro, a torcida gritava, pouco tímida, menos eufórica que o normal, mas estavam tentando, a equipe respondia, o Didi que se machucou, no segundo período ainda não voltou, o jogo seguia, Alexey monstruoso, Lucas dias energético, David Jackson brigando por rebotes defensivos e o jogo continuava, o Franca estava vivo. A diferença estava diminuindo, só que temos que lembrar de algo, estamos falando do Flamengo, a parcial 15 à 11.

Ultimo quarto e 12 pontos, para o Flamengo é simples. Vamos manter a diferença e trabalhar a bola, Gustavo de Conti coloca o Franco Balbi em quadra e o maestro controla o jogo, ele é bom nisso em gastar tempo e ditar ritmo. Mas o Franca quer jogo e o torcedor também, a diferença começa a diminuir, Lucas Dias grita, Alexey grita, David Jackson grita, eram gritos de fúria por terem que brigar contra o tempo, gritos de quem queria apagar a performance demonstrada no primeiro período, aquilo não era um jogo, isso aqui agora é.

O maior na história do Basquete Brasileiro, essa é a final do NBB
Foto: Newton Nogueira

Mas o que fazer com o Flamengo?! Já sabiam que precisavam pressionar o Balbi, não deixar o Olivinha pegar a bola, não deixar o Varejão ocupar espaços dentro do garrafão, ter cuidado com o Marquinhos que corta o fundo como ninguém e ainda arremessa de longa distância, o Balbi não preciso dizer que coloca a bola onde quiser, mas esqueceram do Deryk Ramos, na verdade lembraram, mas não sabiam como parar e parecia que tinha um tapete na quadra, o Deryk iria correr até a cesta, ele ficou 100% no período 12 pontos convertidos em 12 tentados, iai?! Como parar o Deryk Ramos? David Jackson tentou mas ele nem viu por onde o Deryk passou.

O placar do jogo, um grande trabalho do Flamengo nos quatro períodos, apesar do SESI Franca Basquete ter aparecido em quadra somente em três dos quatro quartos do jogo, 72 à 81. Flamengo campeão do NBB CAIXA 2017/18, o sexto título do Flamengo em 11 edições do Novo Basquete Brasil.

SOBRE O AUTOR Diego Andrade, mais conhecido como Diego Silver. Professor de Educação Física. Pai, viciado em coisas de Nerd e é claro entusiasta do Basquetebol. Ex-Aluno do Bi-Campeão Mundial Rosa Branca, quando o mesmo era servidor do SESC Consolação. CONHECER TODO TIME
RESENHE COM A GENTE AÍ!

2 resenhas

  1. Boa tarde.
    Flamengo com 5 títulos nacionais? Como assim?
    Encheu o peito para falar dos 11 títulos nacionais do Franca, mas não conta os títulos conquistados pelo Flamengo antes do NBB? rs
    Não se lembra que o Flamengo conquistou um título quando ainda era Campeonato Nacional de Basquete? Além disso, ganhamos 4 torneios organizados pela CBD, apesar da CBB não reconhecer estes 4 como Brasileiro, são títulos importantes para a história do clube e tb para o Basquetebol nacional.

    No portal, tem também um outro artigo interessante, destacando o vice-campeão. kkkkk. O vencedor pra que, né?

    Pensei que fosse um portal sobre o Basquete brasileiro, mas pelo desconhecimento, e pela ausência de um artigo sobre o atual campeão, e um dos clubes mais tradicionais do esporte, vejo que na verdade é um portal sobre o Basquete de São Paulo.
    Enfim, seria melhor que vocês deixassem isso de maneira mais explícita.

    1. Olá Rayner!

      Eu vou responder o seu comentário em duas partes.
      A primeira é me desculpando, talvez eu não tenha sido claro, mas inclusive no mesmo parágrafo ao qual você cita eu coloco dessa forma “Flamengo, maior campeão do NBB, com cinco títulos nacionais”, ou seja, estou me referindo aos títulos do NBB. De qualquer forma, somando o título do Campeonato Nacional e da competição da CBD, até o momento do texto são 10 títulos, não tornando isso mais títulos que o Franca, Okay?!

      Mas vamos lá, mais uma vez estou falando dos títulos do NBB, o que torna o Flamengo o maior vencedor do NBB, isso não é grande?! O maior campão do NBB???

      Enfim, deixo você tirar suas conclusões quanto ao meu texto sem problemas, adoro as criticas. Mas gostaria de saber o que lhe agrada no trabalho feito aqui no portal, ou no YouTube. Afinal estamos a 8 anos no ar.

      Quanto a nota do SESI Franca, você pode pedir para a assessoria de imprensa do Flamengo emitir notas de imprensa e encaminhar através da assessoria, já que outros clubes fazem isso, inclusive para não se confundirem com os meus textos autorais, esse ano eu criei um perfil só para isso aqui no Área, o mesmo que está a nota do Franca.

      De qualquer forma, anteriormente eu subia algumas notas e tentava colocar minha opinião no final, agora subo os textos na integra em um perfil só para isso, para não se confundirem com os meus.

      A Liga Nacional de Basquete, mandou uma nota para a imprensa alimentar os feeds eu ainda não subi, peço desculpas. Mas dedico um tempo muito grande criando conteúdos autorais, para o YouTube e para o Portal, trabalho que não me gera lucro algum. Além de ainda ministrar clínicas pelo Brasil, diversas delas de graça, já que entendo que a massificação do esporte é importante. Mas se mesmo assim me propus fazer isso aqui, tomarei mais cuidado.

      Agradeço muito a sua resposta, dificilmente recebo retorno dos nossos leitores. Muito Obrigado!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

 
 
VOLTAR AO TOPO
%d blogueiros gostam disto: