O Corinthians virou o W.O. mais comentado do NBB

Um surto de covid-19 no Corinthians Basquete, fez com que a equipe anunciasse publicamente um pedido de suspensão que virou um W.O. antecipado

2020, não está sendo um ano fácil para ninguém. Mas sem dúvidas ficou muito mais complicado para o Corinthians, que divulgou em sua conta no Instagram ser um foco de covid-19 e por isso não irá jogar as próximas partidas do NBB. Nesse momento o Corinthians tem 8 jogadores com o novo coronavirus.

Entenda o que aconteceu

Segundo a publicação no Instagram oficial da equipe de Basquetebol, foi constatado uma crescente nos números de casos da equipe e por esse motivo todas as atividades da equipe foram suspensas, seguindo as orientações do departamento médico do clube, a fim de, interromper a propagação do vírus.

Mas essa suspensão das atividades, implica diretamente nos compromissos da equipe no NBB 2020/21. Já que com isso a equipe não conseguiria atuar contra o Minas Tênis Clube (14/12) e contra o Fortaleza Basquete Cearense (16/12), já que aparentemente o Corinthians tem registrados na Liga Nacional de Basquete 14 atletas, ou seja, sobram 6 atletas em condições de disputar os dois compromissos.

Com isso o Corinthians Basquete, solicitou o adiamento dos jogos por Covid-19.

Adiamento pro Covid, Corinthians pede e o NBB…

Através de Nota Oficial a Liga Nacional de Basquete, entidade responsável por organizar o Novo Basquete Brasil. Falou sobre o posicionamento da LNB ao negar a solicitação da equipe.

Segundo a nota oficial, publicada no site da LNB e enviada para a imprensa, em decisão unânime dos clubes participantes do NBB 2020/21, a ausência por Covid-19 seria justificada como W.O. Técnico, ou seja o pedido do Corinthinas foi indeferido.

Dessa maneira o Corinthians acumulará duas derrotas consecutivas e o próximo compromisso da equipe é contra o Flamengo no dia 29/12. Porém não se fala ainda sobre o confronto contra a equipe carioca. Quanto ao W.O. Técnico, implica em derrota para a equipe ausente, porém não se aplica multas ou punições administrativas.

O barulho foi maior do que parece

De certa maneira, podemos afirmar aqui que o combinado não sai caro. O Corinthians foi um dos votantes na solução empregada por ausência por Covid-19, ou seja, não podem reclamar da decisão da Liga Nacional de Basquete, uma vez que eles são responsáveis por tal decisão, já que a liga só está fazendo valer o regulamento.

Mas entende-se que estamos em meio a uma pandemia, logo essa possibilidade deveria estar prevista no regulamento da competição que inclusive prevê a suspensão dos jogos caso a curva epidemiológica da doença aumentar.

Dito isso a resolução tomada para esse caso não faz muito sentido e sim deveria ser outra. Além de que um surto de covid-19 em uma das equipes participantes, pode colocar em cheque os protocolos e regras para a realização da competição.

Mas ainda assim, o combinado não sai caro.

O Área Restritiva está no YouTube, conheça o nosso canae se inscreva.

Um grupo para discutir basquete como se estivesse em um bar? Conheça o Bar do Área!

Fique por dentro do que está acontecendo no Área em nossas redes sociais; marcamos presença no FacebookInstagram e no Twitter. Ah! Também estamos no Catarse, aqui você conhece todo o projeto do Área Restritiva.

Leia mais!

Deixe sua opinião

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Compartilhe!

Se inscreva!

últimas publicações