Assim como na temporada passada, time do interior de São Paulo vence o último jogo do ano e fica com a primeira colocação absoluta do NBB.

Como se fosse um dèja vu, o Winner/Limeira fechou o ano com a liderança absoluta do NBB. Com a vitória sobre o Rio Claro Basquete, fora de casa, nesta segunda-feira, por 87 a 78, o time comandado pelo técnico Dedé Barbosa finalizou 2014 no topo da tabela de classificação do campeonato nacional.

Motivados a vencer o líder do NBB, o Rio Claro pôs pressão para cima do adversário. A torcida que compareceu em bom número no Ginásio Felipe Karam, também começou a partida animada e viu os donos da casa colocarem 7 a 2 no placar. Aos poucos, os visitantes foram se encaixando no setor ofensivo e o equilíbrio se manteve durante todo o primeiro quarto. Os limeirenses fecharam a etapa inicial na frente por 20 a 19.
As bolas de fora começaram a cair bastante pelo da equipe visitante, que a cada ataque conseguia aumentar a diferença no placar. Com uma cesta de 3 do ala Matheus Dalla, o Limeira abriu nove pontos no placar, 35 a 24. Mesmo com a paralização do técnico Chuí, o Rio Claro teve dificuldades para se recuperar no período. Com mais um triplo de Dalla, o atual líder do NBB foi para o intervalo vencendo por 41 a 30.

Nos primeiros minutos do terceiro quarto, o Limeira mostrou que manteria o ritmo acelerado da primeira metade do jogo. Com uma bola de 3 do armador Nezinho, os visitantes abriram 13 pontos de vantagem. A dupla de pivôs também se destacou pelo lado limeirense. Bruno Fiorotto e Rafael Mineiro combinaram 16 pontos e ajudaram o time a fechar o período vencendo por 68 a 48.
Apesar do placar alto, o Rio Claro não desistiu do jogo. O ala Duda Machado acertou a mão e deixou os torcedores empolgados. Faltando menos de dois minutos para o final, a diferença baixou para somente nove pontos, 80 a 71. O técnico Dedé Barbosa parou o jogo para tentar parar a reação dos donos da casa. A parada foi importante e o time visitante administrou a vantagem até os momentos finais.

Em 2013, o time de Limeira terminou o ano com nove vitórias em 10 jogos e, agora, uma campanha melhor ainda: 12 triunfos em 13 partidas disputadas.
Para sair vitorioso, os limeirenses contaram com boas atuações de Ronald Ramon, cestinha do time com 15 pontos, seguido por Nezinho, 14, Bruno Fiorotto, 13 e Matheus Dalla, 12.

“Estamos muito felizes. Sabíamos que teríamos cinco jogos fora de casa no final do ano e nosso objetivo era ganhar todos. Felizmente, cumprimos esse objetivo e fechamos ainda com um clássico regional como esse”, comemorou Fiorotto. “Agora quando voltarmos, temos que estar focados para não perdermos o ritmo e mantermos a liderança até o final da fase de classificação”, completou o jogador.

Fotos: Raphael Bózeo/Divulgação
Fotos: Raphael Bózeo/Divulgação

 

Atrás do líder Limeira, o Flamengo foi superado pelo Macaé Basquete numa partida decidida no último segundo. O armador norte-americano Jamaal anotou a cesta da vitória por 86 a 84. Além de ser o heroi da partida, o jogador ainda foi o cestinha com 26 pontos.
O resultado dexiou Macaé na zona de classificação para os playoffs com quatro vitórias em 12 jogos e o Flamengo caiu para a terceira colocação, com uma campanha de oito triunfos em 11 confrontos.

 

Fotos: Orlando Bento/Minas TC
Fotos: Orlando Bento/Minas TC

Também na briga entre os líderes do NBB, o Minas Tênis Clube retornou ao G4 após superar o Unitri/Pilhas Energizer, em casa, por 75 a 66. O time de BH contou com a brilhante atuação de Henrique Coelho, autor de 27 pontos. Os mineiros tem agora nove vitórias em 13 jogos e a quarta colocação na tabela.

 

Fotos: Cleomar Macedo/Divulgação
Fotos: Cleomar Macedo/Divulgação

A subida do Minas se deve também a derrota do Mogi das Cruzes/Helbor, em casa, para o São José/Unimed, por 89 a 88. O ala norte-americano Andre Laws foi o cestinha do confronto com 26 pontos, seguido pelo ala Dedé, que anotou 17.

 

Fechando os jogos desta segunda, o Paulistano/Unimed venceu a Liga Sorocabana, em casa, por 83 a 69, com 19 pontos do armador Kenny Dawkins.

Fotos: Brito Júnior/Divulgação
Fotos: Brito Júnior/Divulgação

UniCEUB/BRB/Brasília se recuperou na competição ao bater o Basquete Cearense, por 81 a 68, com 20 pontos do ala/pivô Guilherme Giovannoni e um duplo-duplo de 14 pontos e 11 rebotes de Ronald.

 

É isso!

Comentem e Compartilhem!
Até+

Diego Silver