De dentro para fora do Jogo, uma visão diferente de quem de alguma forma viveu O Basquete.
Gocil/Bauru é campeão dos Jogos Regionais
Invicto nos Regionais, equipe sub-19 ficou com a medalha de ouro.
Foto: Vinicius Bomfim.

O Gocil/Bauru Basket garantiu mais uma medalha de ouro para Bauru na disputa dos Jogos Regionais de Lençóis Paulista-2017. Representando a cidade no basquete até 21 anos, o time formado por atletas do sub-19 do Dragão venceu a equipe anfitriã por 94 a 51 na final disputada na tarde deste sábado, dia 29 de julho no Ginásio Tonicão, em Lençóis.

Esta foi a quinta vitória em cinco jogos do Gocil/Bauru, que havia vencido seus três duelos na fase de grupos e derrotado São Manuel na semifinal, terminando a competição invicto.

Na disputa pelo ouro, Bauru levou jogadores que fazem parte do elenco adulto e já iniciaram a pré-temporada do time principal que estreia no Campeonato Paulista no próximo dia 6. Gui Santos, Gabriel Jaú, Maikão, Stefano e Henrique viajaram para Lençóis, mas apenas os dois últimos entraram em quadra.

O armador Stefano atuou por apenas cinco minutos na volta do intervalo, mas Henrique teve mais tempo em quadra e terminou como cestinha do jogo com 24 pontos. O armador Gabriel Moraes, com 21 pontos, e o ala/pivô Junior, com um duplo-duplo de 20 pontos e 13 rebotes, também tiveram atuações de destaque no jogo decisivo.

Para o técnico André Germano, o elenco mostrou comprometimento ao defender as cores da cidade.

“Vencemos todos os jogos, a maioria com boa vantagem de pontos no placar final. Isso mostra que disputamos os Regionais com seriedade e, mesmo sem alguns jogadores do sub-19 que já integram o elenco adulto, conseguimos manter o nível e representamos o basquete bauruense da melhor maneira possível. É com grande alegria que iniciamos a temporada com uma medalha de ouro para Bauru”, comentou.

Para o ala Henrique, que integrou o elenco campeão do NBB CAIXA 2016/17, a conquista dos Regionais com o time sub-19 revela que a base do Gocil/Bauru segue preparada para representar a cidade e o time em todos os campeonatos que disputa.

“Essa medalha mostra que o trabalho de revelar jogadores e ter sempre uma equipe forte continua. Sempre que entra em quadra, o basquete de Bauru é bem representado”, destacou.

SOBRE O AUTOR Diego Andrade, mais conhecido como Diego Silver. Professor de Educação Física. Pai, viciado em coisas de Nerd e é claro entusiasta do Basquetebol. Ex-Aluno do Bi-Campeão Mundial Rosa Branca, quando o mesmo era servidor do SESC Consolação. CONHECER TODO TIME
RESENHE COM A GENTE AÍ!

2 resenhas

    1. Olá Vitor!
      Mas essa questão dos nomes parte dos atletas para os clubes e para as suas respectivas assessorias.
      A imprensa só usa o nome qual os atletas são chamados, nos limitando a dar apelidos aos atletas quando isso convêm, ao exemplo de diversos jogadores da NBA que tem apelidos dados pela imprensa, Shaquille o’Neal tem uma coleção de apelidos por exemplo.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

 
 
VOLTAR AO TOPO
%d blogueiros gostam disto: