Alysha Clark, escolha unânime para a primeira equipe defensiva e Candace Parker fora da seleção 

A WNBA anunciou os All-Defensive Teams, traduzido para o português, os times defensivos de 2020 pela WNBA. Alysha Clark do Seattle Storm superou todas as candidatas em votos e foi escolha unânime para fazer parte do primeiro time defensivo da WNBA. Sua companheira de equipe no Storm, Breanna Stewart, encontra-se na segunda equipe. A equipe de Seattle avançou às finais da WNBA, que começam na sexta-feira (02).  

Já conhece o canal do Área Restritiva no Youtube? Clique e se inscreva

A votação para a primeiro e segundo time defensivo é decidida pelos 12 treinadores principais da WNBA. Eles não estão autorizados a votar em suas próprias jogadoras, e também devem votar por posição. As jogadoras recebem cinco pontos por voto da Primeira Equipe e três pontos pela votação da Segunda Equipe.

Alysha recebeu o máximo de 11 votos dos treinadores principais da WNBA e recebeu honras de Equipe All-Defensive pela segunda temporada consecutiva. Confira as outras jogadoras que compõem a primeira e segunda equipe all-defensive:

Primeira Equipe All- defensive
  • Alysha Clark, Seattle Storm (55 pontos) 
  • Betnijah Laney, Atlanta Dream (47)
  • Brianna Turner, Phoenix Mercury (43)
  • Alyssa Thomas, Connecticut Sun (39)
  • Elizabeth Williams, Atlanta Dream (24)
Segunda Equipe All- defensive
  • Breanna Stewart, Seattle Storm (33 pontos)
  • Napheesa Collier, Minnesota Lynx (30) 
  • Ariel Atkins, Washington Mystics (25)
  • Brittney Sykes, Los Angeles Sparks (24)
  • A’ja Wilson, Las Vegas Aces (21)

E quanto a Candace Parker?

Nesta temporada, Candace Parker  acrescentou mais um troféu à sua coleção ao ser nomeada a Jogadora de Defesa do Ano pela primeira vez em sua carreira.

Então, quando a WNBA anunciou as equipes All-Defensive na terça-feira (29), foi impressionante a todos que o nome de Parker não estivesse presente. Não estava presente na primeira equipe, e nem na segunda equipe. Esta é a primeira vez na história da WNBA que a jogadora defensiva do Ano foi deixada de fora das equipes All-Defensive. 

Como explicar isso? Bom, encontramos a resposta nos eleitores.  A imprensa vota na jogadora defensiva do Ano, enquanto os treinadores são os responsáveis ​​pela seleção dos times defensivos. Ainda assim, é surpreendente que houvesse uma diferença tão grande de opiniões entre os dois grupos que Parker não chegou a nenhum dos times. 

O Área Restritiva está no YouTube, conheça o nosso canae se inscreva.

Já imaginou um grupo para discutir Basquete como se estivesse em um bar? Conheça o Bar do Área!

Fique por dentro do que está acontecendo no Área em nossas redes sociais; marcamos presença no FacebookInstagram e no Twitter. Ah! Também estamos no Catarse, aqui você conhece todo o projeto do Área Restritiva.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.