O Área Restritiva assumiu uma postura de compromisso em divulgar a pesquisa científica no Basquetebol e hoje apresenta para o leitor uma análise feita sobre o Campeonato Paulista de Basquete, um comparativo sobre a competição nos anos de 2001 e 2002.

Mais um trabalho encaminhando por e-mail pelo professor Dante de Rose Jr. a sequência dos trabalhos realizados pelo professor em e os pesquisadores Alexandre Barros Gaspar e Rafael Marcos de Assumpção, essas pesquisas foram publicadas no site da Federação Paulista de Basketball.

Resumo: Análise Estatística do Campeonato Paulista de Basquetebol Masculino – Comparação entre 2001 e 2002

As estatísticas nos campeonatos adultos realizados pela Federação Paulista de Basketball vêm se consolidando a cada ano e têm contribuído muito para que técnicos e atletas possam acompanhar a evolução individual das equipes e estabelecer metas e estratégias de trabalho.

Fruto de um trabalho que se desenvolve há mais de cinco anos, a partir de 2002, as estatísticas foram aperfeiçoadas e tem sido analisadas de forma mais sistemática e científica para garantir uma maior consistência dos dados e, consequentemente, maior fidedignidade.

A partir dos dados levantados no Campeonato Paulista Masculino Adulto de 2002 pudemos realizar algumas análises interessantes e que começam a determinar um perfil do basquetebol paulista, em termos numéricos.

Para melhor entendimento das análises realizadas e das tabelas, adotaremos o termo indicadores de jogo para as ocorrências mensuradas através da estatística realizada em todos os jogos. Esses indicadores são representados por legendas:

Apontamentos da Análise comparativa.

Um fator interessante e que é abordado no texto são as médias que se mantém no decorrer dos dois anos, isso pode ser um marcador para avaliações positivas sobre o trabalho realizado das equipes um ótimo trabalho estabelecido pelas equipes, mesmo com possíveis alterações, como idade dos atletas, contusões e transferências, mas com isso nesses dois anos analisados o fator “mando de jogo” continua sendo dominante já que ele mostra superioridade das equipes mandantes durante o período de dados coletados.

Escrito por:
Prof. Dr. Dante de Rose Jr.
Prof. Alexandre Barros Gaspar (Não sei a titularidade deste profissional)
Prof. Rafael Marcos de Assumpção (Não sei a titularidade deste profissional)

Segue o trabalho na Integra:
DE ROSE JR; CASPAR; ASSUMPÇÃO – Analise Estatística do Campeonato Paulista de Basquetebol Masculino – Comparação entre 2001 e 2002

Conheçam outros trabalhos e pesquisas aqui!

O Área Restritiva está no YouTube, conheça o nosso canal. Vídeos três vezes por semana.

Fique por dentro do que está acontecendo no Área em nossas redes sociais, marcamos presença no FacebookInstagram e no Twitter.