A ADCF Unimed/Americana derrotou o Uninassau/América, neste sábado, dia 21 de fevereiro, por 86 a 81, em partida válida pela nona semana da Liga de Basquete Feminino – 2014/15, disputada no ginásio Centro Cívico, na cidade de Americana-SP. Com este resultado, o time comandado pelo técnico Antônio Carlos Vendramini passa a ter a melhor campanha da competição.

Fotos: Sanderson Barbarini/Foco no Esporte
Fotos: Sanderson Barbarini/Foco no Esporte

O jogo começou em ritmo acelerado, com as duas equipes mostrando bastante disposição. O representante pernambucano cresceu na parte final do período inicial, fechando na frente, com uma vantagem de cinco pontos, 21 a 26.
No segundo, a partida seguiu em ritmo forte e equilibrado, com os dois times lutando bastante. No final, o Uninassau/América levou ligeira vantagem e seguiu no comando do marcador, 20 a 21.

Na volta do intervalo, o jogo ficou mais cadenciado e a ADCF Unimed/Americana cresceu de produção e com uma bola de três pontos da lateral Karla Costa assumiu o comando do placar e manteve esse panorama até o final. Além disso, jogadoras importantes dos dois times ficaram penduradas com quatro faltas e foram retiradas de quadras pelos técnicos, 23 a 12.
Nos dez minutos finais, o ritmo voltou a ficar forte e o equilíbrio também esteve presente. Desta forma, o time da casa se valeu da vantagem obtida no quarto anterior para garantir a vitória, 22 a 22.

Fotos: Sanderson Barbarini/Foco no Esporte
Fotos: Sanderson Barbarini/Foco no Esporte

Os principais nomes da partida foram a cubana Ariadna Felipe, 28 pontos, 04 rebotes e 04 assistências, Clarissa dos Santos, 15 pontos e 06 rebotes e Damiris do Amaral, 15 pontos, 12 rebotes e 03 assistências, pelo time paulista; as norte-americanas Tiffany Hayes, 21 pontos e 04 rebotes e Tamera Young, 21 pontos, 09 rebotes e 03 assistências, em favor do representante pernambucano.

“O nosso time trabalhou muito forte, pensando neste jogo e nos dedicamos muito pensando nele, treinando no período do carnaval e sofrendo bastante. Eu não vinha fazendo bons jogos, mas neste me soltei mais e pude ajudar a equipe a obter uma vitória muito importante”, comenta Ariadna Felipe, da ADCF Unimed/Americana.

“Este resultado serviu para abrirmos os olhos, pois aconteceram algumas coisas que não deveriam ao longo da semana e acabou servindo de lição. O time de Americana conseguiu encaixar bem a marcação zona do terceiro quarto e isso permitiu que se recuperasse e passasse a comandar a partida”, analisa o técnico Roberto Dornelas, do Uninassau/América.

 

É isso!

Comentem e Compartilhem!
É isso!

 

Diego Silver