A ADCF Unimed/Americana manteve o 100% de aproveitamento na Liga de Basquete Feminino – 2014/15 ao derrotar o Maranhão Basquete, nesta quarta-feira, 17 de Dezembro, por 84 a 71, em clássico disputada no ginásio Centro Cívico, na cidade Americana-SP, no complemento da segunda semana.

No primeiro tempo, a partida começou equilibrada, mas o time maranhense cresceu no segundo quarto e fechou em vantagem. Na volta do intervalo, a equipe da casa se recuperou e voltou a equilibrar as ações, o que deu a chance de um bom crescimento no quarto final, marcando forte e neutralizando bem as principais jogadas da equipe maranhense.

As atletas mais efetivas foram a cubana Ariadna Felipe, 21 pontos e Clarissa dos Santos, 20 pontos, pela equipe de Americana; a norte-americana Matee Ajavon, 25 pontos e Grazi, 14 pontos, em favor do Maranhão.

“Jogo difícil, pois enfrentamos uma equipe que conta com jogadoras de qualidade e que montou uma estratégia e seguiu bem isso no primeiro tempo. No segundo, crescemos de produção e melhoramos a marcação, que aliado ao desgaste do adversário, foi importante e determinante para que vencêssemos”, comenta o técnico Antônio Carlos Vendramini, da ADCF Unimed/Americana.

“No final do terceiro quarto começamos a nos perder um pouco na marcação e isso contra um time como o de Americana acaba sendo decisivo. Mas a tendência é de crescimento para o time com a sequência dos treinamentos e os reforços que chegarão”, comenta a experiente pivô Êga Garvão, do Maranhão Basquete.

 

Fotos: Sanderson Barbarini/Foco no Esporte
Fotos: Sanderson Barbarini/Foco no Esporte

No outro jogo da noite, o Uninassau/América suplantou ao Top Therm/Grupo Leonardi/Sicredi/Unimed/Presidente Venceslau, por 80 a 65, mesmo atuando no ginásio da UNIESP, na cidade de Presidente Venceslau-SP, e também manteve o 100% de aproveitamento na competição. As maiores pontuadoras foram Jeanne e Silvinha, ambas com 15 pontos, pelo time da casa; a norte-americana Tiffany, 21 pontos, e a também norte-americana, Tamera, com 20 pontos, em favor do representante pernambucano.

O jogo começou equilibrado, mas o time pernambucano conseguiu pular a frente na parte final do quarto inicial. Na sequencia, o representante de Pernambuco seguiu a frente, com a equipe da casa sempre lutando para a vantagem não se elevar muito.

“Tivemos uma equipe mais equilibrada dentro de quadra, soubemos neutralizar as adversárias, que também realizaram uma ótima partida. Fizemos bem a rotação de atletas. Individualmente, Tiffany e Tamera fizeram uma grande partida”, analisa o técnico Roberto Dornelas, do Uninassau/América.

A Liga de Basquete Feminino – 2014/15 retorna já em 2015, no dia 07 de janeiro, com três partidas:
Basquete Jaraguá x Sport Recife, às 20h00, em Jaraguá do Sul-SP;
Basketball Santo André/APABA x Uninassau/América, às 20h00, em Santo André-SP;
APAB/Barretos x Brasília/BasqueteVizi, ás 20h00, em Barretos-SP.

 

É isso!

Comentem e compartilhem!
Até+

Diego Silver