A semifinal do NBB 7 não poderia ter começado melhor para o Flamengo. Terceiro colocado na fase de classificação, o time rubro-negro quebrou o mando de quadra do vice-líder Winner/Limeira e venceu as duas primeiras partidas da série em pleno interior paulista. Agora com 2 a 0 de frente, os atuais bicampeões podem carimbar sua vaga na Final já nesta quinta-feira, dia 14 de Maio, no Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro, às 20h30, com transmissão ao vivo dos canais SporTV.

O primeiro duelo entre as equipes foi parelho, mas os comandados de José Neto tiveram superioridade no último quarto e abriram a semi vencendo fora de casa, por 85 a 78. Mas se na partida de abertura o fator diferencial foi o período final, na segunda o que fez a diferença foi a primeira parcial, no qual os cariocas abriram 13 a 0, chegaram a ter 16 tentos de vantagem, 27 a 11 e se consolidaram na ponta do placar durante todo o confronto, que terminou com placar de 92 a 73.

“Defendemos de uma maneira que fez com que eles errassem bastante, não foi demérito deles. Limeira foi um dos times mais regulares da fase de classificação, se não for o mais. Conseguimos marcar bem e abrir uma boa vantagem, mas quando eles colocaram alguns atletas do banco de reservas a diferença caiu para dois pontos. Por isso precisamos viver cada momento, não podemos ficar contentes com só um período, isso é perigoso. Agora temos que pensar na próxima partida porque ainda não ganhamos nada”, comentou o técnico do Flamengo, José Neto.

Se fecharem a série, os flamenguistas chegarão à sua quinta Final de NBB em sete temporadas, a terceira de maneira consecutiva. O clube da Gávea foi às decisões das duas primeiras edições do campeonato, ambas contra o UniCEUB/BRB/Brasília, 2008/2009 e 2009/2010, com direito a título da primeira delas. Depois de dois anos longe das disputas pelo troféu, o Flamengo voltou à finalíssima na temporada 2012/2013, no qual foi campeão em cima do Unitri/Magazine Luiza, feito este repetido no ano seguinte, 2013/2014, contra o Paulistano/Unimed.

Flamengo está perto de sua 5ª Final de NBB na história Fotos: João Pires/LNB
Flamengo está perto de sua 5ª Final de NBB na história
Fotos: João Pires/LNB

Na última partida da série, no Vô Lucato, os atuais bicampeões usaram de sua excelente defesa para forçar 14 erros da equipe limeirense, que, além disso, acertou somente cinco dos 18 tiros para 3 pontos que tentou, 27,8% de aproveitamento. Por outro lado, o ataque rubro-negro também foi excelente. Com Marquinhos e Nico Laprovittola inspirados, o esquadrão da Gávea mostrou mão quente nos tiros longos e acertou 14 das 24 bolas de 3 pontos arremessadas, 58,3% de aproveitamento.

“Arremessamos de maneira consciente, trabalhando bem a bola, e também a maneira com que Limeira defendeu, no risco, nos proporcionou isso. Jogamos com o time um pouco mais aberto e isso fez com que finalizássemos com arremessos longos. Temos jogadores com essa capacidade, como Marcelinho, Marquinhos, Nico, Olivinha, Herrmann, Gegê, que estão preparados para isso. Mas o foco agora está no próximo jogo. Construímos uma bela vantagem, mas ela ainda não nos colocou em lugar algum e é com esse pensamento que vamos para o próximo jogo”, completou José Neto.

“Temos que melhorar, pois somos uma equipe de muita qualidade e ainda temos muito a crescer. Fizemos vários bons jogos até agora, tivemos muitos bons momentos, mas tivemos um começo de jogo muito ruim na última partida e ficou muito difícil de correr atrás. O Flamengo tem muita qualidade e por isso precisamos nos concentrar mais para não errar tanto e deixar eles uma larga vantagem de novo”, comentou o ala/pivô Teichmann, do Limeira.

A expressiva vantagem na série deixou o Flamengo com uma mão na vaga na decisão do NBB 7. Nunca em toda a história das semifinais da competição um time sofreu uma virada depois de sair vencendo por 2 a 0. Aliás, em três das quatro vezes em que uma equipe abriu dois tentos de frente em uma semi, a série terminou em “varrida”, ou seja, vitória por 3 a 0. Apesar do cenário altamente favorável, o técnico rubro-negro prefere manter os pés no chão.

“Um relaxamento pode até ser normal nessa situação, mas se a gente quer alcançar uma coisa que não é normal, que é ser campeão, coisa que não é normal, pois não são todos que são campeões, precisamos sair do normal, pois quem faz somente o normal não chega longe. Tivemos uma experiência nas quartas de final contra São José, em que a gente relaxava quando vencia e tomava uma invertida no jogo seguinte. Sabemos que Limeira tem capacidade de ir para o Rio e vencer as duas, e sei que vão preparados par isso, mas vamos nos preparar para que isso não aconteça”, concluiu o técnico do Flamengo.

Perdendo por 2 a 0, Limeira quer virada inédita na série semifinal contra o Fla Fotos: João Pires/LNB
Perdendo por 2 a 0, Limeira quer virada inédita na série semifinal contra o Fla
Fotos: João Pires/LNB

Jogando pela sobrevivência na série e no campeonato, Limeira vai para o tudo ou nada nesta quinta-feira. Caso vença e permaneça vivo, o Jogo 4 será no sábado, dia 16 de Maio, novamente no Rio de Janeiro, às 16 horas, com transmissão ao vivo para todo o país através dos canais SporTV. Se necessário, o quinto e decisivo duelo acontecerá em Limeira, na terça-feira , às 21h30, também ao vivo no SporTV.

“Agora é hora da gente se basear no que fizemos o ano inteiro. Sempre atacamos bem, marcamos bem e agora esse será um grande teste para nós. A gente está aqui para ser testado, viemos para quadra para jogar. Nossa ambição é de ir lá e ganhar os jogos. Acredito que ainda não estamos jogando no máximo do nosso potencial, muito por mérito do Flamengo. Mas ainda temos chances, eles precisam vencer mais um pra fechar, por isso precisamos ir lá e ganhar os dois”, finalizou o limeirense Teichmann.

“Jogaremos dentro de casa, ao lado da nossa torcida e temos que pressionar bastante o adversário. Temos ciência de que Limeira virá para o tudo ou nada, pois trata-se de uma equipe de qualidade e que já mostrou que pode vencer aqui. Por isso, precisamos estar muito focados e concentrados para chegar ao nosso objetivo”, declarou o ala/armador Vitor Benite, do Flamengo.

É isso!

Comentem e Compartilhem!
Até+

Diego Silver

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.