De dentro para fora do Jogo, uma visão diferente de quem de alguma forma viveu O Basquete.
VOCÊ ESTÁ EM:
  A Semana 12 da NBA é uma semana de decisões para o Blazers e o Lakers

A temporada 2019/20 da NBA é a temporada do tudo ou nada, justamente por ser aquela temporada onde as chances de título são pulverizadas entre as 30 franquias. Mas a medida que a temporada passa, as franquias começam a se mexer ou pensando nos Playoffs, ou pensando na temporada seguinte e esse é o caso do Blazers e o Lakers.

Antes de falar do que está acontecendo vamos dar aquela olhadinha em como está a classificação das conferências.

No Leste, nada muito diferente com o Bucks dominando a conferência com o Celtics seguindo em segundo (inclusive merece texto que vou preparar para semana que vem). O Heat que venceu o Portland Trail Blazers (122 x 111), com grandes atuações do elenco como um todo e o Raptors, que ainda se mostra um poder dentro da conferência completam o G-4.

Philadelphia 76ers, Indiana Pacers, Orlando Magic e Brooklyn Nets completam o G-8. O curioso é que o Celtics e o Bucks perderam seus ultimos confrontos, o Celtics perdeu para o Washington Wizards, por 99 à 94 e o Bucks perdeu no Back-to-Back para o Spurs, por 126 à 104. As duas franquias tem a mesma sequência, com oito vitórias e duas derrotas nos ultimos dez jogos.

Do terceiro colocado que é o Miami Heat até o sétimo colocado que é o Magic, todas as franquias se recuperaram, vencendo o ultimo jogo, só o Nets que vem em uma sequência de seis derrotas e nos últimos dez compromissos foram três vitórias e sete derrotas.

No Oeste o Lakers segue mantem a ponta e a diferença de quatro vitórias em relação ao segundo colocado que é o Nuggets, depois do Denver temos Houston Rockets e Los Angeles Clippers completando o G-4, depois deles Utah Jazz, Dallas Mavericks, Oklahoma City Thunder e San Antonio Spurs.

Aqui a diferença do Rockets na terceira posição, para o Mavericks na sexta é de duas derrotas, todas as franquias do terceiro ao sexto estão com sequências positivas, então qualquer deslize pode acarretar em uma dança das cadeiras.

O Spurs tem 20 derrotas até aqui, ocupando a oitava posição, o Pelicans que é o décimo quarto colocado, tem 25 derrotas. Isso não quer dizer que o Spurs está em uma posição confortável, mas totalmente o contrário, porque da mesma forma que o G-6 é disputado, as duas ultimas vagas do G-8 seguem na disputa com a parte de baixo da tabela.

Esse equilíbrio nos leva ao que vem acontecendo na NBA, desde a temporada passada. O aquecimento do Mercado, diferente do Mercado Brasileiro, onde o número de jogadores é escasso a NBA tem um mundo de opções, já que para montarmos um elenco precisamos de dinheiro e isso é algo que as franquias tem de sobra.

Então como eu falei no começo do texto as franquias nesse momento tem duas opções ou vão com tudo no mercado pensando nas possibilidades de título ou vão começar a planejar a temporada seguinte e também os próximos anos. Esse é o caso do Lakers e do Portland.

A Semana 12 da NBA é uma semana de decisões para o Blazers e o Lakers
Foto: John McCoy/Getty Images

Começando do Los Angeles Lakers, a franquia angelina em uma passado não muito distante, tinha uma idéia de reconstrução, com o LeBron James sendo o pilar central disso tudo, certo!? Um jogador que pudesse absorver o peso de ser um Laker e dar assim tranquilidade para o núcleo jovem angelino.

Eis que o Lakers saiu melhor em quadra do que no papel e a idéia de esperar três ou quatro anos para ter uma equipe competitiva, caiu e ter um elenco com chances reias de título logo no começo desse processo apareceu, claro que em meio a isso o Lakers ainda tinha alguns contratos ruins para se livrar, mas ai apareceu a história do Anthony Davis o que resultou em polêmicas e por fim escolhas.

O Lakers mandou um pacotão de promessas e escolhas do DRAFT e recebeu Anthony Davis, mas nisso o Lakers fez uma escolha, abrir mão de Brandon Ingram e ficar com Kyle Kuzma.

Kuzma diferente do Ingram (que merece um texto falando só dele), está em sem pior ano desde que chegou na NBA, todos os seus números estão a baixo das médias das temporadas anteriores, para se ter uma idéia o Kuzma em seu primeiro ano fez 16,1 pontos, 6,3 rebotes e 1,8 assistências, na temporada 2019/20 tem 11,8 pontos, 3,5 rebotes e 0,8 assistências.

Com seu tempo de quadra diminuindo quase 10 minutos ele que foi titular na temporada passada, na atual de 27 jogos disputados começou em 1 deles.

É difícil cravar um provável destino para Kuzma, mas a imprensa norte-americana fala do Lakers monitorando o Detroit Pistons, Memphis Grizzlies, Golden State Warriors New York knicks e Sacramento Kings e nomes como Bogdan Bogdanovic  Jordan Poole, Derrick Rose, Langston Galloway, E’Twaun Moore, Jae Crowder, Marcus Morris e Andre Iguodala envolvendo o Avery Bradley na troca e alguma escolha no Draft, para equalizarem os salários. Já que o Kuzma tem um contrato de Rookie.

A Semana 12 da NBA é uma semana de decisões para o Blazers e o Lakers
Foto: Chuck Burton/Associated Press

O mesmo acontece com o Portland Trail Blazers, que está monitorando o mercado. Mas diferente do Lakers, não fez um All-In para reforçar o elenco, fez trocas menos ousadas na off season e durante a temporada 2019/20 acertou o retorno do Camelo Anthony para as quadras.

Mas por enquanto não foi o suficiente, o Portland é o décimo da conferência leste e isso faz com que os olhos fiquem abertos para o mercado. Assim como já falamos no canal do Área no YouTube e também aqui no site na coluna do NBA Stats BR, alguns nomes são especulados chegando e saindo. Existem rumores quanto ao Kevin Love, que não está contente com o Cleveland Cavaliers, sendo ai a possibilidade de reforço do elenco, assim como a possibilidade da saída do CJ McCollum.

De qualquer forma o Blazers para poder se mexer precisa liberar folha salarial, por isso existe a possibilidade da saída do CJ, para a chegada de qualquer nome, no caso do Kevin Love não necessariamente o CJ mas existem outros nomes que podem ser envolvidos, mas Portland precisa de espaço.

Ai é que as franquias podem ter os seus nomes se cruzando em meio a essas negociações, o que muito provavelmente vai acontecer para uma troca, são trocas triplas ou quadruplas e vale a pena lembrar que o Kuzma tem um contrato de Rookie, seu salário é bem menor, do que o do Kevin Love por exemplo.

Para o Lakers ter um elenco forte para fechar jogos e o Portland poder ter chances reais de chegar nos Playoffs muitos nomes vão ser envolvidos, nomes de jogadores e de franquias isso é uma certeza e você leitor o que espera das negociações?

Não deixem de acompanhar o Área Restritiva nas redes sociais e se inscrever no nosso canal no YouTube.

Se liga na agenda de transmissões da semana 12 da NBA:

07 de janeiro – terça-feira
21h00 – Toronto Raptors x Portland Trail Blazzers, SporTV

8 de janeiro – quarta-feira
21h30 – Denver Nuggets x Dallas Mavericks, ESPN
0h – Milwaukee Bucksx Golden State Warriors, ESPN

09 de janeiro – quinta-feira
23h30 – Houston Rockets x Oklahoma City Thunder, Band

10 de janeiro – sexta-fera
22h – New Orleans Pelicans x New York Knicks, ESPN
0h30 – Golden State Warriors x LA Clippers, ESPN

11 de janeiro – sábado
22h00 – Oklahoma City Thunder x Los Angeles Lakers, SporTV
22h30 – Philadelphia 76ers x Dallas Mavericks, ESPN 2

12 de janeiro – domingo
20h – San Antonio Spurs x Toronto Raptors, Band
22h00 – Denver Nuggets x Los Angeles Clippers, SporTV

13 de janeiro – segunda-feira
21h00 – Indiana Pacers x Philadelphia 76ers, SporTV

Toda terça-feira um texto sobre a NBA aqui no Área, um texto semanal falando sobre o que aconteceu e o que pode acontecer no decorrer da semana da NBA. Acompanhem também o que acontece no Área Restritiva, no Facebook, Instagram e no Twitter.

SOBRE O AUTOR Diego Andrade, mais conhecido como Diego Silver. Professor de Educação Física. Pai, viciado em coisas de Nerd e é claro entusiasta do Basquetebol. Ex-Aluno do Bi-Campeão Mundial Rosa Branca, quando o mesmo era servidor do SESC Consolação. CONHECER TODO TIME
RESENHE COM A GENTE AÍ!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

 
 
VOLTAR AO TOPO
%d blogueiros gostam disto: